Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

S na Rede

S na Rede

26
Nov18

A educação e o Natal vão estar em destaque no Município de Odemira.


No Município de Odemira, a educação e o Natal vão marcar este mês e o próximo. Mas para começar, a 30 de Novembro, data em que se comemora o Dia Internacional da Cidade Educadora, este município alentejano vai promover várias actividades, que têm como objectivo celebrar a educação enquanto eixo fundamental de crescimento e desenvolvimento dos territórios, que vão contar com a participação de cerca de 75 alunos.
A Rede Territorial Portuguesa das Cidades Educadoras é constituída 74 municípios portugueses que são membros da Associação Internacional das Cidades Educadoras - AICE e, como tal, assinaram a Carta das Cidades Educadoras, defendendo e assumindo nas suas práticas os Princípios e que constitui um elemento unificador na definição das políticas dos municípios membros, sendo que as cidades educadoras trabalham para que a educação seja o eixo transversal de todas as políticas locais.

No dia seguinte, de 01 de Dezembro e até ao dia 06 de Janeiro de 2019, o Município de Odemira vai promover um sorteio de Natal. A campanha “Natal é no Comércio Local” vai promover um sorteio de prémios e vales de compras entre todos os consumidores que façam compras nas lojas aderentes do concelho de Odemira.
 Como 1º prémio será sorteada uma viagem 1 viagem Cuba (7 dias para 2 pessoas), o 2º prémio será 1 máquina fotográfica, o 3º prémio será 1 iPad e o 4º prémio 1 passeio de barco para 4 pessoas no rio Mira. Serão também sorteados vales de compras no valor de 200,00 € (5.º prémio), 150,00€ (6.º prémio), 100,00€ (7.º prémio), 50,00€ (do 8.º ao 13.º prémio) e 30,00€ (do 14.º ao 18.º prémio).
Nas compras nos estabelecimentos aderentes à Campanha “Natal é no Comércio Local”, o cliente tem direito a senhas de participação, sendo que para compras entre 10€ e 49,99€ é atribuída uma senha, para compras entre 50€ e 74,99€ são atribuídas duas senhas e três senhas de participação para compras no valor superior a 75€.
O sorteio dos vencedores será realizado no dia 18 de Janeiro de 2019, pelas 18:00, no Edifício dos Paços de Concelho de Odemira.

De: FG.


16
Nov18

Seminário para empreendedores em Arcos de Valdevez.


No dia 22 de Novembro, pelas 09:30, o Luna Arcos Hotel, em Arcos de Valdevez, vai receber o seminário "Empreender na Economia Social".
Este seminário, que pretende abordar a temática do empreendedorismo social, vai apresentar quatro boas práticas de empreendedorismo social na primeira pessoa, decorrendo paralelamente uma exposição com apresentação de 20 empresas / projectos de empreendedorismo social da Galiza e Norte de Portugal. Posteriormente, realizar-se-á a apresentação das Agendas Sectoriais para o Fomento e Criação de Empresas da Economia Social de dois setores, nomeadamente da Ação Social e da Industria 4.0.
Para participar neste seminário é necessário preencher on-line um formulário. Este deve ser preenchido até ao dia 18 de Novembro.

De: FG.
12
Nov18

A Naxitis quer trazer de volta os emigrantes para Portugal.


Com o objectivo de trazer os portugueses emigrados em França de volta ao nosso país, a Naxitis vai dinamizar no próximo dia 22 de Novembro, nas instalações do Banque Populaire & Caisse d’Epargne (em Paris), o evento “GET TOGETHER @ PARIS”.
Com entrada gratuita, este evento será dedicado a profissionais portugueses ou luso-descendentes da área tecnológica a residir em França e que tenham interesse em regressar a Portugal.
Esta iniciativa também pretende das a conhecer o Centro de Excelência em IT, no Porto, da Naxitis. É que até 2019 a empresa pretende recrutar para este local mais 650 colaboradores.

De: FG.
11
Nov18

Balsemão pretende fazer Bilderberg à portuguesa.


O Clube Bilderberg, que se junta todos os anos, é composto por algumas das pessoas mais ricas e influentes do mundo. Neste clube também existem portugueses e um deles, Francisco Pinto Balsemão, pretende criar a "sucursal" portuguesa deste grupo.
No Clube Bilderberg à portuguesa, que vai seguir as mesmas regras da Bilderberg, vão estar presentes banqueiros, milionários e vários empresários. Paula Amorim, o presidente do Novo Branco e o líder da Fundação Gulbenkian vão estar presentes neste grupo.
Este grupo vai chamar-se “Encontros em Cascais” e arrancará ainda este mês.

De: AR.
08
Nov18

"Semana da Experiência do Cliente" da Liberty Seguros.


Para reforçar a ligação que tem com o cliente, a Liberty Seguros criou a "Semana da Experiência do Cliente". Esta iniciativa interna, e que é realizada a nível global, tem como objectivo partilhar e aumentar a percepção entre os colaboradores da seguradora e os seus clientes.
Esta iniciativa foi desenvolvida de forma transversal no grupo Liberty Mutual, o que significa que as sessões decorreram simultaneamente em todos os escritórios da seguradora. De 22 a 31 de Outubro foram levadas a cabo várias ações, como por exemplo a possibilidade dos colaboradores terem acesso aos relatos e agradecimentos deixados pelos clientes através das Nice Notes, reconhecerem o bom trabalho de outros colegas nos Customer Experience Awards (CEW), partilharem histórias na rede social interna e, o ponto alto da iniciativa, as mesas redondas, onde participaram colaboradores da Liberty Seguros, convidados externos especialistas na área, parceiros de negócio e agentes.

De: FG.
08
Nov18

"Made of Portugal".


Com o objectivo de promover Portugal como um destino ideal para investir, residir ou estudar, a consultora JLL lançou a campanha "Made of Portugal: vidas de quem não se imagina noutro local".
Para esta campanha foram escolhidas três pessoas, três histórias reais, verdadeiros cidadãos do mundo, que explicam, cada um à sua maneira, de que é feito Portugal e o porquê de não se imaginarem a trabalhar ou viver noutro local do mundo. A campanha tem como peça central um vídeo onde os mesmos protagonistas mostram o seu dia-a-dia em Lisboa, no Porto e no Algarve.
“Diariamente, faz parte do nosso trabalho promover Portugal junto de investidores e profissionais de todo o mundo. E, hoje, isso já não é só mostrar os indicadores económicos e os racionais do negócio. Mais do que nunca, esta promoção tem de ser inspiracional e mostrar o que é a essência do país, o que nos distingue enquanto destino para viver, para trabalhar ou para investir. Não há, a nosso ver, melhor publicidade do que esta partilha genuína de quem, por muito que conheça o mundo, quer sempre voltar para casa, para Portugal!”, conclui o Director-Geral da JLL, Pedro Lancastre.
Esta campanha também apresenta um estudo que para além de incluir os principais indicadores do mercado nacional, reflecte também sobre uma nova forma de a JLL se posicionar no mercado.

De: FG.
05
Nov18

O gás está muito caro.


Uma botija de gás em Portugal está "pela hora da morte". Os preços dos combustíveis podem oscilar mas o do gás está sempre mais ou menos o mesmo. E estes valores não são compreensíveis na sociedade portuguesa, onde os salários são bem parcos. Mas mesmo com alguns dos salários mais baixos da Europa, temos artigos que são vendidos a preços bastante elevados.
Aqueles que vivem na região da fronteira podem sempre viajar até Espanha. Isto porque no outro lado da fronteira uma simples garrafa de gás pode ser adquirida por 14€. Mas isto é lá. Cá, essa mesma garrafa pode chegar a uns exorbitantes 29€. Não sei onde estão a vender garrafas a quase 30€. Aqui em Sesimbra estão a vender por uns 25 ou 26€. Este é um preço que a meu ver é bastante excessivo e acho que é por isto que há já muitas pessoas que preferem ir comprar as suas garrafas a espaços comerciais.
Há uns 15 dias atrás (mais ou menos), fui com a minha família ao Continente local (que, e esta é uma história muito engraçada, tem uma foto aérea de uma das praias e nesta foto apareço eu e um dos meus irmãos) e reparei que há muitas pessoas que vão até lá trocar as suas botijas. Penso que deva ser mais barato mas a verdade é que nunca experimentei este serviço. É que torna-se algo complicado andar da Carrasqueira (local onde fica este espaço comercial) até à Cotovia (onde vivo) com uma botija de gás às costas.
É que estas garrafas estão longe de ser muito leves (mesmo que os anúncios passem uma mensagem diferente) e eu não tenho carro (e acho que mais rapidamente vão começar a chover porcos do céu do que eu ser uma condutora com carteira). Logo temos que nos contentar com o serviço de entrega do costume. Não é que este serviço seja assim tão mau, mas o preço não compensa.
Mas não nos podemos esquecer que estamos a falar de Portugal. Somos aquele país que é pobre mas pratica preços de países ricos. A verdade é que gostaria que o governo, de alguma forma, coloca-se uma imposição na subida excessiva dos preços das botijas de gás. É que qualquer dia não vamos ter mais dinheiro para as comprar e vamos ter que voltar a cozinhar com lenha e tomar duches de água fria (quer dizer, até há quem no verão, o que não é o meu caso, não se importe de tomar banho de água fria).

De: AR.

PS: Quem diria que seria capaz de fazer todo um texto à volta de uma botija de gás?!
01
Nov18

O MB WAY vai ter novas funcionalidades.


A verdade é que o MB WAY tem outras funcionalidades novas para descobrir. Agora vai ser possível dividir contas e pedir dinheiro.
Na funcionalidade “Dividir Conta”, vai poder dividir as suas despesas, o que é muito bom quando vai jantar fora. Já na novidade “Pedir Dinheiro”, os utilizadores podem solicitar dinheiro aos seus contactos.
O serviço, que já faz parte do dia-a-dia de mais de 900.000 utilizadores, vai também permitir utilizar o Multibanco apenas com o telemóvel, sem a necessidade de cartão e ainda, pela primeira vez em Portugal, fazer compras apenas com um smartwatch da Samsung. 
O SIBS também vai estar presente no Web Summit, que arranca já na próxima semana.

De: FG.

31
Out18

Já pensou em abrir uma conta no banco em poucos segundos?


Se não gosta da burocracia bancária, a Monese tem a solução. Agora, para abrir uma conta bancária digital em apenas 120 segundos.
Esta empresa, que foi fundada em 2013 e entra agora em Portugal, é um serviço online que permite criar uma conta bancária digital em pouco menos de 120 segundos utilizando apenas o smartphone. Com uma conta corrente totalmente mobile, disponível em 20 países europeus e em 11 línguas, a Monese permite a particulares e a empresas usufruir de serviços financeiros no Reino Unido e na Europa.
Após descarregar a aplicação da Monese, o utilizador terá de se registar tirando uma foto a um documento de identificação e fazendo um vídeo, e passará a ter uma conta bancária que, através de um cartão de débito contactless que lhe é enviado, permite-lhe fazer todo e qualquer tipo de movimentação bancária, como receber dinheiro, efetuar pagamentos ou transferências.

De: FG.


Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D